quinta-feira, janeiro 19

Amizade, uma espécie de miragem

Desde sempre tenho sido um tipo abonado por ter tantos amigos, palavra de honra. Tenho aprendido que o factor tempo é preponderante na conservação das mesmas... Um gajo não telefona, deixa para amanhã, adia, programa mas deixa de cumprir, e vendo bem a coisa, a distância aumenta, os dias tornam-se meses, os meses em anos... mas um gajo continua a não dar sinal de vida. Quando dou conta das coisas já lá vão um par de anos e nunca mais os vi. Vai daí concordo com a máxima do presente é que conta e da tanga do viver intensamente o momento, mas só com base nesta merda que escrevi por cima senão não faz grande sentido. Coisas da vida...

3 comentários:

Molghus disse...

É mt bem!!!! Coisas da vida...

Eushinha disse...

"Talvez a verdadeira amizade não seja mais que uma fraqueza da hipocrisia" (Diego Lora)

e

"Talvez a melhor lembraça seja o esquecimento" (Diego Lora)

Molghus disse...

Grande mau! Curto mesmo quando dizes "merda"! Dá enfâse à situação, e olha que penso como tu maluco, não o sei é dizer tão bem. Senão não faz grande sentido.. percebessem todos o que puseste por cima e o mundo era diferente... Abraçoleziú forte...