segunda-feira, junho 25

Perguntas

  Quantas vezes é que preciso de bater com a cabeça na parede para aprender? Quantas vezes é que é preciso repetir a mesma mentira a mim mesma para conseguir acreditar?
  Será que alguma vez vou conseguir aliviar esta dor enorme no meu peito? Será que alguma vez consegui enganar alguém em relação ao que sinto?
  Será que alguém se sente da maneira que eu me sinto? Será que estou maluca? Ou será que estou rodeada de malucos?
  Não entendo porquê que faço tantas perguntas, quando maioria não tem resposta, ou talvez eu não queira saber a resposta. De qualquer das maneiras continuo a fazer as mesmas perguntas, com a mais estúpida das esperanças, de alguma vez conseguir uma resposta.

Sem comentários: